HOME  |  CONTATO  |  LC Online  |  NOTÍCIAS Social Moodle Social Facebook Social Twitter Social Linkedin Social Issuu Social Youtube

 



Alunos do Fundamental II vão a academias e ao Parque Ibirapuera

28/04/2017

Para vivenciarem diversas práticas esportivas, os alunos dos 9ºs anos do Ensino Fundamental II visitaram espaços públicos e privados para refletirem de que maneira podem se relacionar com os diferentes espaços para a prática do esporte.

A atividade fez parte da sequência didática de academia, que trabalha conceitos de corpo, saúde e beleza. “Nós já fizemos alguns testes dentro da Escola para trabalhar com circuitos funcionais. Essa atividade (Práticas Esportivas) é para fazer com que os alunos conheçam algumas modalidades disponíveis na academia (vivenciando esse ambiente) e, assim, podermos trabalhar questões de culto ao corpo. Isso é comum entre adolescentes e temos que quebrar um pouco essa preocupação”, explica o professor de Educação Física Douglas Moraes. Os locais propostos foram contextualizados para os alunos e foi realizada uma discussão sobre lugares públicos e privados.

Acompanhados dos professores, coordenadores e seguranças da Escola, os alunos foram ao primeiro local planejado: Academia Born to Cross Fit. Lá, conversaram com o professor Wellington Moraes que contou um pouco sobre a modalidade. “Cross Fit é um método de condicionamento físico geral que tem como objetivo melhorar todas as capacidades físicas e, consequentemente, melhorar a saúde”, explica. Feito o bate-papo, os alunos tiveram uma aula experimental que proporcionou um conhecimento breve de alguns exercícios realizados na modalidade. “A ideia da aula era se movimentar, mover o corpo e experimentar um pouco do Cross Fit. O ideal é que todos pratiquem esporte, mas que cada um encontre algo de que goste”, comenta Wellington.

O segundo lugar visitado foi a academia Top Form. Lá, os alunos foram divididos em grupos para conhecerem os ambientes oferecidos: Artes Marciais, Squash, Ginástica e Musculação. Em cada espaço, eles puderam praticar as modalidades, instruídos pelos professores da academia.

A escolha do Parque Ibirapuera foi para apresentar um local público, dentre os dois privados já apresentados. A atividade desenvolvida foi um percurso de corrida de 1km para os alunos concluírem em um tempo de 30 minutos, sendo todo o progresso monitorado por meio do aplicativo “Nike + Run Club”, que auxiliou em dados de gastos calóricos, medição de distância e tempo, para que o aluno visse a evolução a cada etapa.

“A corrida é uma atividade individual. O aluno poderá fazer essa prática fora da Escola também, quando quiser e no tempo disponível que tiver, mas que seja feita de forma orientada”, diz Douglas.

Os resultados das atividades serão discutidos posteriormente com a turma.

 


 

 

 

Facebook Twitter Linkedin Issuu Youtube