Projeto da Lourenço Castanho participará de Congresso na Finlândia

FabLearn Europe Conference ocorrerá nos dias 28 e 29 de maio.


Assim como aconteceu em anos anteriores, mais uma vez um projeto da Lourenço Castanho é selecionado para participar do FabLearn Europe Conference, o maior evento de Tecnologia Educacional do mundo.

Nesse ano, a conferência organizada pela Universidade de Stanford, no Vale do Silício, acontecerá em Oulu, na Finlândia, nos dia 28 e 29 de maio.

O projeto inscrito é de autoria do educador Rodrigo Lemonica. O “Smart Cities – Cidades Inteligentes” convida os alunos das turmas dos 9°s anos a refletirem sobre a pergunta: “Será que a tecnologia pode transformar a vida dos cidadãos?”.

Na primeira parte, eles aprendem sobre as formas de energias verdes e constroem um protótipo de um meio de transporte que será alimentado através desses combustíveis sustentáveis. Depois eles viajam à Brasília para fazer um estudo de campo e analisam os pontos positivos e negativos da cidade e comparam com o mesmo estudo realizado em São Paulo. Com esses conhecimentos, eles começam a montar a maquete do ‘centro urbano’ e prototipam os cinco principais eixos: moradia, meio ambiente, mobilidade, saúde e segurança.

No final do projeto, eles relacionam o seu trabalho com as grandes megalópoles: Xangai, Nova York e Dubai. “Esse tipo de conhecimento é um exercício de cidadania que extrapola os muros da escola”, conta Lemonica.

Essa é a quarta vez que a Lourenço Castanho participa do FabLearn Conference. Segundo o educador, sempre é uma grande oportunidade porque a Conferência orienta muitas das atividades realizadas na Educação Maker, uma vez que recebem trabalhos de diferentes partes do mundo.

Lemonica conta que está muito animado para a viagem e que a troca de experiências é a melhor parte. “A Finlândia é um exemplo na educação e é muito gratificante participar com um trabalho nosso em um lugar que é número um nesse quesito”, e completa: “Entender suas melhores práticas e trazer muitas novidades para aplicar dentro do Laboratório de Criação, é nosso objetivo”.