fbpx

Projeto Integrador no Centro de São Paulo

Alunos dos 3ºs anos visitam a Praça da República e o Edifício Copan


Como parte das etapas do Projeto Integrador de Série dos 3ºs anos, os alunos foram até o Centro de São Paulo para visitarem a Praça da República e o Edifício Copan, onde realizaram observações, discussões em grupo e atividades propostas pelo projeto.

Nesse trabalho, os alunos estão estudando as diferenças entre os lugares urbanos e os espaços rurais na cidade de São Paulo. “Eles estão visitando esses ambientes para verem as diferenças entre um e outro espaço e poderem construir o conceito do que é rural e o que é urbano”, explica a professora do 3ºC, Carla Solano.

Para isso, os alunos basearam-se em cinco eixos sobre o estudo: coleta de lixo, pavimentação, iluminação, tratamento de água e de esgoto.

Na Praça da República, onde antes era um pasto para animais e tornou-se um dos símbolos da cidade, os alunos fizeram uma breve observação da paisagem do ambiente para responderam ao questionário do estudo de campo, descrevendo elementos como: cores, sons, cheiros, movimentos e texturas. Além disso, cada grupo fotografou algo, caracterizando o tema de pesquisa.

Em seguida, a turma realizou uma enquete com perguntas sobre as vantagens, problemas, poluição e soluções da cidade de São Paulo.

“Com foco nessas questões, os alunos estão observando a quantidade desses serviços nos dois lugares para poderem compararem e, com a enquete, eles estão fazendo um levantamento sobre diversos pontos da cidade com os moradores”, comenta Carla.

Os alunos também realizaram um teste de poluição, pegando algodões e passando em plantas que estavam na rua, para poderem, posteriormente, debater sobre isso.

No Copan, um dos edifícios mais importantes da cidade, os alunos foram até o terraço para observarem a cidade de São Paulo. Lá, eles responderam o questionário sobre o edifício e também fotografaram, em grupo e individualmente, a paisagem.

Em sala, os alunos farão um resgate sobre a saída. “Eles irão discutir sobre todos os aspectos que viram na saída e tentarão construir um conceito em cima disso, por meio de um mapa conceitual com o que viram no espaço urbano. A enquete, eles transformarão em um gráfico”, explica Carla.

Em breve, as turmas irão para um sítio em Parelheiros para vivenciarem o espaço rural.